sábado, 17 de dezembro de 2016



e eu sentiria saudade
mesmo se não tivesse te conhecido

te abraçaria mesmo que tu fosse um cacto
e eu
um balão

te suportaria
se eu fosse areia
e tu uma onda

continuaria lá
sendo duna
e você o vento

mesmo que
fosse a dor de cabeça
depois de uma sexta à noite

eu não iria embora

mas você foi

e eu me tornei a pedra embaixo da goteira
pacientemente
esperando
pela água mole
que incansavelmente tanto bate
até que fura

-----------------------------
escrever enquanto ouve música de balada não foi uma boa escolha

Nenhum comentário:

Postar um comentário