Menu

segunda-feira, 29 de junho de 2015

um texto aleatório para me lembrar de quem sou

Gosto de twitter, café e nescau.
Às vezes leio três livros em um semana, às vezes, três em um mês, ou até três em um ano. Posso ser chamada de introvertida, reservada ou tímida, apesar de não gostar de nenhum desses nomes.
Gosto mais de ouvir do que falar, porém quando eu abro a boca, por favor, me escute.
Gosto de matemática, química e física, apesar de, na maior parte, não entender nada. Acho fascinante o fato de alguns seres humanos terem descoberto todas aquelas leis, teorias, colisões elásticas e até as inelásticas.
Gosto de calça de moletom, do meu cabelo amarrado e do jeito que a luz do sol bate na janela do meu quarto. Gosto de ouvir o mar e de prestar atenção nas pessoas.
Gosto de me sentir bem-vinda, mas às vezes é legal me tratarem como uma completa estranha, eu, que me conheço tão bem.
Mas, se tem uma coisa que eu acho triste, são as pessoas ignorando as outras por se sentirem superior, ou sabe-se lá quais os outros motivos loucos que eles arranjam.
Gosto de viajar, apesar de nunca ter saído o meu estado (!!!), gosto de passar meus sábados a noite na minha cama assistindo netflix, mas também gosto de ir nas minhas amigas e assistir netflix lá mesmo.
Gosto da natureza, mas me incomodo com aquelas plantinhas pega-pega que grudam em toda a roupa.
Gosto de ser sozinha, mas o que eu realmente amo é ter companhia e saber que não estou sozinha.
Gosto da vida, mas confesso que vivo pensando em como será a morte.
Gosto de ter coisas, mas ao mesmo tempo me sinto presa a elas, gosto de pensar em mim do jeito que vim ao mundo - toda careca-
Me gosto por gostar de tantas coisas, mas também me sinto especial por detestar outras.

Ah! Também gosto de segundas-feiras... Mas as terças... bichinha nojenta.

Até mais,
Aline
(um texto aleatório para me lembrar de quem sou)

Nenhum comentário:

Postar um comentário